Início » Projeto » Work-Packages (WP) » WP14 – Bio.ScafAM

WP14 – Bio.ScafAM

A substituição, regeneração ou reparação de um tecido ou órgão devido ao envelhecimento, doenças, acidentes e defeitos de nascença, continua a ser um problema a nível mundial. A transplantação é a terapia mais comum para lidar com esse problema, no entanto, essa terapia apresenta elevados custos associados à atividade e ao elevado nível de especialização exigido aos profissionais de saúde.

As técnicas associadas à transplantação de tecidos ou órgãos são complexas e apresentam várias limitações, das quais se destacam a dificuldade em encontrar doadores compatíveis, resultando em extensas listas de espera, a elevada proporção de rejeição pelo recetor e a morbilidade que implica para o doador vivo.

A Engenharia de Tecidos surge como uma abordagem promissora para a regeneração de órgãos e tecidos, através da cultura de células do próprio paciente em substitutos biológicos (scaffolds) e implantação no paciente para a regeneração do novo tecido.

A implementação desta técnica, no que diz respeito ao desenvolvimento de substitutos biológicos capazes de mimetizar as propriedades do órgão/tecido a regenerar, encontra-se em constante progresso. No entanto, ainda existem muitas lacunas a colmatar do ponto de vista do desenvolvimento e aplicação destes substitutos devido à complexidade que envolve todo o processo de regeneração de um novo tecido através da combinação de células, materiais e fatores de crescimento.

Muitas estratégias têm sido investigadas no sentido de produzir scaffolds capazes de fornecer um suporte biomecânico para adesão, proliferação e diferenciação celular. Estes substitutos devem ser biocompatíveis, biodegradáveis, com taxa de degradação controlada e devem apresentar elevada porosidade de modo a permitirem uma correta vascularização do sistema.

Identificados os problemas, o desenvolvimento de um sistema de biofabricação capaz de responder às necessidades dos profissionais de saúde para utilização em contexto laboratorial médico permitirá consolidar a aplicabilidade dos sistemas de impressão 3D na área médica.

O equipamento de biofabricação que se pretende desenvolver no âmbito do projeto irá permitir a produção de implantes temporários em ambiente hospitalar, através da reinvenção das tecnologias de biofabricação. O sistema fornecerá ferramentas inovadoras, desenvolvidas por especialistas em engenharia, design e biomateriais, com o objetivo de construir um equipamento compacto e funcional para o utilizador.

Inov.AM - Inovação em Fabricação Aditiva
Ao clicar neste ícone copiará para a área de transferência, o e-mail do projeto Inov.AM Entre em contacto com o Inov.AM Privacy Policy Protection Leia a Política de Privacidade da Inov.AM
error: Conteúdo protegido